TransdisciplinarCV

Este é um local de discussão e de divulgação da Transdisciplinaridade. A ligação a Cabo Verde tem a ver com as actividades do criador do Blog e com as condições propícias de Cabo Verde para o desenvolvimento da Transdisciplinaridade. Os colaboradores deste Blog são fundadores do Núcleo TransD da Universidade Jean Piaget de Cabo Verde - uma Universidade Transdisciplinar

Site Meter

quarta-feira, março 08, 2006

A Mulher e a Transdisciplinaridade

Começo por saudar todas as mulheres do Universo. Não podia deixar passar em branco este Dia Internacional da Mulher (clique e saiba a origem do 8 de Março) sem fazer menção às relações da Transdisciplinaridade com o feminino, com os movimentos feministas e com o reconhecimento do valor da mulher para uma melhor acção, pensamento e atitude transdisciplinares. Atendendo ao carácter de divulgação deste Blog, vou fornecer alguns links que corroboram essas questões.
“ Todo projecto futuro de civilização precisa passar por um processo de feminilização social. Como é apenas a mulher, e não o homem, que dá a luz à criança, é a feminilização do mundo que pode dar luz a laços sociais que hoje estão tão ausentes da comunicação entre os seres humanos.”
Basarab Nicolescu
Com esta citação, a Arquiteta Regina Fittipaldi inicia o artigo Compromisso Social: Desafio e oportunidade da participação feminina” : Baixe aqui este artigo em PDF
Segundo a respectiva sinopse, este artigo "aborda os desafios que a realidade actual apresenta para a humanidade, nos diferentes âmbitos da sociedade humana e para outros ecossistemas. Os desafios para as mulheres precisam ser identificados, porém é o princípio feminino em harmonia com o princípio masculino presentes no ser humano, que poderão edificar novos rumos para um desenvolvimento sustentável e ecologicamente correcto. Um novo paradigma, transdisciplinar e holístico, emerge sinalizando uma nova óptica sobre a realidade, demandando uma nova ética entre os seres".
Falando de ética entre os seres, sabemos que a sua falta tem ao longo dos anos, sido objecto de muitas lutas. Singularizando as lutas contra a discriminação racial e pela emancipação da mulher, compreendemos rapidamente que muitos estudos tiveram lugar nestas áreas e que bastante contribuíram para os avanços conseguidos. Porém o carácter transdisciplinar dos mesmos é poucas vezes evidenciado. Mary Louise Pratt, Professora de Literatura latino-americana e Literatura Comparada na Universidade de Stanford, reconhece que
“os estudos étnicos e o feminismo foram duas grandes forças protagonizadoras no desenvolvimento da transdisciplinaridade. Para compreender o poder constitutivo do género e da raça era preciso operar simultaneamente em todas as esferas da prática humana, desde a cotidianidade, à estética, filosofia, fisiologia, tudo. Esses projectos intelectuais e emancipadores chamavam e motivavam colaborações entre todas as disciplinas. Eles criavam novos contactos, novos cenários e imperativos intelectuais, revolucionários”
Mary Louise Pratt
Poderá encontrar uma interessante entrevista desta académica no site da Revista Habitus.

Termino dizendo que correntes modernas em gestão, apontam para um melhor desempenho das empresas que colocam mulheres nos seus quadros dirigentes. Alego que isto tem muito a ver com o uso mais equilibrado dos dois hemisférios cerebrais, o que como já cheguei de afirmar, é um trunfo essencial ao desenvolvimento da atitude transdisciplinar.

Fiquem bem, caras e preciosas mulheres de todo o Universo

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

MSN Alerts